Seja Bem Vindo

14.7.12

Taí um assunto que normalmente fica no campo da lenda, do diz-que-me-diz, quando a gente não sabe astrologia direito. "Minha amiga me falou que é legal ler previsões do ascendente também". Mas, como muitas coisas ligadas à astrologia, isso fica relegado ao plano da mistificação, como se fosse um negócio do além, que é porque é.

Bom, tudo no mundo tem explicação, e se a gente não consegue encontrar é porque ainda não tem elementos pra isso. No caso da pergunta que abre este texto, não é diferente. Olha só.
Se você já viu um mapa astral de astrologia ocidental, certamente viu uma circunferência dividida em doze pedaços de trinta graus cada, as casas, cada uma representando um assunto da sua vida. Se você traçar uma linha horizontal nessa circunferência, dividindo-a ao meio, o que estiver na ponta esquerda é mais ou menos o começo da primeira casa. Essa primeira casa é o ascendente.

Quando se faz as previsões para os signos do Sol, considera-se que é esse signo que está na primeira casa. Como o Sol representa nossa motivação profunda, isso acaba fazendo sentido em termos de desdobramento dos fatos. Mas o ascendente, que é a representação da nossa máscara social, o jeito como aparecemos na sociedade, também interfere nesses desdobramentos, porque a sequência dos signos que vão ocupar as casas seguintes é diferente.

Um exemplo explica melhor que muitas palavras. Imagine uma pessoa com o Sol em Leão e ascendente Escorpião. Se o Sol estivesse na primeira casa e, portanto, a pessoa tivesse Sol em Leão e ascendente Leão, a segunda casa seria ocupada por Virgem, a terceira por Libra e assim por diante. Porém, como ela tem ascendente Escorpião, a segunda casa é ocupada por Sagitário, a terceira por Capricórnio e assim por diante. A distribuição dos signos no mapa é diferente, e, portanto, os assuntos da vida da pessoa terão outra visão, outro tipo de desdobramento.

Legal, né? Agora você sabe porque também é interessante ler o ascendente. Eu, pessoalmente, vejo fatos acontecendo tanto por consequência da distribuição em razão do signo do Sol quanto do ascendente, na minha vida. Conhecer os dois é uma mão na roda para entender como você participa da vida no planeta.




Nathalia Fernandes

Copyright © As novas da Grande Arte | Powered by Blogger